COVILHÃ/FUNDÃO

9 MAIO
21h

A TENTADORA – Covilhã

O SILÊNCIO DOS OUTROS de Almudena Carracedo e Robert Bahar
Espanha/Canadá/França/EUA, 2018, documentário, 96’

Em 1977 o parlamento espanhol aprovou uma Lei de Amnistia que garantia a liberdade de todos os presos políticos e a proibição do julgamento de qualquer ato criminoso ocorrido durante a ditadura de Francisco Franco no país. O Franquismo assombrou a Espanha durante 38 anos deixando um imenso número de vítimas e parentes sem respostas. Vencedor do Prémio Goya 2019 de melhor longa metragem documental, este filme que mostra a luta épica das vítimas dos 40 anos da ditadura de Franco em Espanha e que continuam hoje a procurar justiça. Ao longo de seis anos, Almudena Carracedo e Robert Bahar filmaram várias vítimas e sobreviventes – como José “Chato” Galante, que hoje em dia vive muito próximo de seu torturador -, enquanto organizam o chamado “Processo Argentino” e enfrentam uma amnésia imposta pelo Estado perante crimes contra a Humanidade num país. Após quatro décadas de democracia, este documentário vai além do retrato de um passado recente: pretende questionar o futuro de um país amordaçado por uma parte das instituições e classe política herdeiras diretas do regime franquista, silenciado por um sistema conivente com uma minoria e sequestrado por um silencio inexplicavelmente imposto como arma de pacificação massiva.

10 MAIO
21h

ENTRE OS HOMENS DE BEM de Caio Cavechini, Carlos Juliano Barros
Brasil, documentário, 2019, 102′

Jean Wyllys é um dos deputados que transitam no Congresso Nacional. O político, que também é jornalista e professor, luta em favor das minorias, além de ser um dos maiores representantes da causa LGBT. Agora, ele expõe um período de três anos de sua rotina no âmbito público, o que provoca uma reflexão sobre uma época de polarização na política brasileira.

11 MAIO
14h30

DESOBEDOQUINHO

Uma sessão com várias curtas para o público infantil. Desde Chaplin até ao melhor cinema contemporâneo realizado em todo mundo para crianças.

11 MAIO
18h

BIBLIOTECA MUNICIPAL DO FUNDÃO

DEBAIXO DO CÉU de Nicholas Oulman
Portugal, documentário, 2018, 78′

Nicholas Oulman é de origem judaica e em Debaixo do Céu dá voz a vários sobreviventes (hoje com cerca de oitenta anos), que aquando da ascensão de Hitler e da perseguição aos judeus, lograram deixar Berlim e rumaram a Sul. Para estes refugiados, Portugal foi um porto seguro, um porto de esperança a caminho de um recomeço, enquanto circulavam notícias do horror dos campos de concentração.

11 MAIO
21h

BIBLIOTECA MUNICIPAL DO FUNDÃO

LAMPEDUSA IN WINTER de Jakob Brossman
Austria, documentário, 2015, 93′

Após as tragédias do Outono, chega o Inverno a Lampedusa, a “ilha dos refugiados”. Os turistas já deixaram a ilha e os últimos refugiados batem-se pela possibilidade de serem transferidos para o continente. Um acidente com um ferry deixa a ilha isolada. Quando os refugiados deixam, finalmente, a ilha, os pescadores iniciam uma greve para melhorar as ligações por ferry, decidem bloquear o porto. O abastecimento da ilha fica comprometido. Esta pequena comunidade na orla da Europa bate-se desesperadamente pela sua dignidade – e pela solidariedade para com os refugiados que chegam de barco, e que muitas pessoas consideram os responsáveis pela crise que teima em persistir. Lampedusa im Winter, cuja estreia mundial ocorreu em 2015 em Locarno, é o primeiro documentário de longa-metragem do jovem realizador austríaco Jakob Brossmann. Lança um olhar incómodo sobre as consequências da falta de uma política comum europeia para as questões do asilo e dos refugiados.