2 MAIO

18h00
RIP 2 MY YOUTH de João Figueiredo, João Pico e Elizabeth Vieira
Portugal | documentário | 51’ | 2018 | M/12

“Rip 2 My Youth” conta a história real de Isaac dos Santos, um jovem de 20 anos, que passou pelo processo de transição de género. Desde muito novo que Isaac percebeu que não se identificava com o sexo feminino, tendo decidido mudar a sua vida e o seu corpo quando tinha apenas 18 anos.

+
Debate ‘Já Marchavas!’

21h30
LE F.A.H.R. de Carole Roussopoulos
França | documentário | 26’ | 1971 | M/12

Em 1971, a Frente homossexual de acção revolucionária (FHAR) participa na manifestação do 1º de Maio. As imagens filmadas durante a manifestação pontuam os extratos de uma reunião pública em que se discutem as questões levantadas pelo movimento. Sendo a heterossexualidade normativa o reflexo da sociedade burguesa, a homossexualidade consciente representa uma força revolucionária! Mas, para além do conteúdo do discurso, o próprio facto de se exprimir publicamente é já um acto de libertação. Cada um fala de si próprio inscrevendo a sua história nos objectivos colectivos, o pessoal é político.

LES INVISIBLES de Sébastien Lifshitz
França | documentário | 110’ | 2012 | M/12

Homens e mulheres, nascidos entre as duas guerras mundiais. Não têm nada em comum a não ser a sua homossexualidade e a decisão de viver assumidamente num tempo em que a sociedade os rejeitava. Hoje, falam-nos das suas vidas pioneiras e de como conciliaram o desejo de se manterem normais com a necessidade de se libertarem para crescer.

Anúncios