LE TOMBEAU D’ALEXANDRE , de Chris Marker

7 Maio, 15h, Cine-Teatro Torres Vedras
França, 1993, 120 minutos, documentário

Chris Marker

O Alexandre do título é Alexandr Medvedkin, realizador de “Felicidade”, colega de Eisenstein e Vertov. A maior parte dos seus filmes foram censurados por Estaline. Medvedkin é o ponto de partida para Chris Marker revisitar a Rússia revolucionária desde a queda dos Czares até à Perestroika.

A montagem do documentário, num ritmo vertiginoso, joga com imagens da Rússia dos anos 90, entrevistas, arquivos esquecidos, filmes da vanguarda revolucionários, num vai-e-vem que torna o passado que lhe interessa inevitavelmente presente.

O título em inglês, “The Last Bolchevik”, remete para Medvedkin [1900-1989], para a sua vida, as suas convicções e os seus filmes que acompanharam um período de grandes mudanças na sociedade russa.

ADA FOR MAYOR (Alcaldessa), de Pau Faus

7 Maio, 18h30, Cine-Teatro Torres Vedras
Espanha, 2016, 86 minutos, documentário

Pau Faus

Ada Colau, acompanhada durante o ano de construção da sua campanha, primeiro com o Guanyem (ganhamos), depois na coligação  Barcelona en Comú  com que se apresentou a eleições obtendo a vitória histórica que a fez Alcaldessa de Barcelona. Uma luta coletiva mas também pessoal de alguém que receia tornar-se naquilo que sempre rejeitou.

Petiscos Vegetarianos + Debate PARA UM FUTURO LIVRE DE PETRÓLEO, do Coletivo Inhabitants

7 Maio, 20h, Cine-Teatro Torres Vedras, com Ricardo Vicente [Peniche Livre de Petróleo]
Petiscos Vegetarianos + Sessão Curtas e Debate

Inhabitants é um canal de vídeo online, iniciado em 2015, que exibe reportagens documentais em formatos experimentais. Gerido pelos artistas Mariana Silva e Pedro Neves Marques, o canal produz e distribui os seus próprios vídeos de curta duração. Inhabitants colaborou já com a Haus der Kulturen Der Welt e o Max Planck Institute for the History of Science em Berlim e o Museu Coleção Berardo em Lisboa, e encontra-se de momento a colaborar com a Contour8 Biennale of Moving Image na Bélgica. Aberto às práticas de outros artistas e ativistas, produziu e publicou também o vídeo Compost Archive por Filipa César e Louis Henderson.

Swallows, de Sofia Bost

7 Maio, 21h30, Cine-Teatro Torres Vedras

Portugal/Reino Unido, 2015, 15’, ficção

Sofia Bost

Sara trabalha num restaurante em Londres mas não desiste de procurar emprego como designer gráfica. Hoje, depois de mais uma rejeição, a realidade do que a sua vida se tornou é clara. O conflito entre o que ficou em Portugal e a possibilidade de um futuro melhor é maior do que nunca.

Swallows [Trailer] from Portugal Film on Vimeo.

I, DANIEL BLAKE de Ken Loach

7 Maio, 21h50, Cine-Teatro Torres Vedras

Reino Unido, 2016, 100’, ficção

Ken Loach

Daniel Blake (59 anos) trabalhou como marceneiro a maior parte da sia vida, em Newcastle. Agora, e pela primeira vez, precisa de ajuda do Estado. O seu caminho cruza-se com o de Kate, mãe solteira, e as suas duas crianças, Daisy e Dylan. Para escapar à vida numa residência para sem-abrigo em Londres, a única hipótese de Katie foi aceitar um apartamento numa cidade que ela desconhece, a 300 milhas de distância. Daniel e Katie encontram-se na terra de ninguém, apanhados pela burocracia da Segurança Social…

EU, DANIEL BLAKE um filme de Ken Loach from Midas Filmes on Vimeo.