SESSÃO CURTAS – Cidades

29 Abril, 23h, Sala Bébé, com Aitor Varea Oro
Sessão de Curtas, 103 minutos

 

 

 

A PROPOS DE NICE de Jean Vigo
França, 1930, 25’, documentário

Nice, 1930.  O olhar de Jean Vigo, neste seu primeiro filme, leva-nos a uma visita a uma cidade tranquila, com hotéis e casinos opulentos, promenades e banhos. Tudo começa como se fosse um postal, um vídeo turístico.

Felizmente, Jean Vigo é um realizador satírico e convida-nos a ver o que está por detrás desta realidade, com uma montagem dinâmica e justaposições.

Vigo descreveu o filme numa comunicação no Groupement des Spectateurs d’Avant-Garde: “Neste filme, mostrando certos aspetos básicos de uma cidade, um modo de vida é julgado… os últimos suspiros de uma sociedade tão perdida na sua fuga à realidade que nos incomoda e nos faz simpatizar com uma solução revolucionária “.

A CASA OU A MÁQUINA DE HABITAR de Catarina Romano
Portugal, 2016, 13’, Animação
Falam pessoas em conversas e situações banais, uma fala solta, descomprometida, embora às vezes tensa e tímida. São estas vozes que contam histórias mínimas que a imagem desnovela, desmultiplica ou faz respirar: ensaiam-se universos que são pessoas-casa (ou casas-pessoa), ancorados em caixas, corpos, segredos, desejos, olhares ou na efemeridade das matérias. Neste fluxo, acedemos a territórios instáveis, a lugares do ser em permanente construção – a casa interna de cada um.

FRENTE E TRASEIRAS de Regina Guimarães
Portugal, 2002, 14’, documentário
Pela frente, a rua e seus anjos da guarda. Nas traseiras, as quase longínquas aldeias de Las Hurdes que Buñuel filmou nos anos 30. Frente a casa, a luta laboral de um conjunto de operárias maltratadas por um patrão sem escrúpulos. Nas traseiras, um cheiro acre a incêndio. Frente a casa, o lampião que a “renovação urbana “ não tardaria a roubarnos.

CASINHA/KUBICO de Paulo Moreira
Portugal, 2011, 17’, documentário
Uma casa é uma topografia habitada por seres humanos, construída de coisas, costumes e hábitos. As casas são frequentemente ligadas à rua por um programa de caráter coletivo, criando vizinhanças. Um conjunto de vizinhanças formam um bairro, e vários bairros formam a cidade.

EU FICO de Jorge Sequera e Michael Janoschka
Reino Unido/Brasil, 2014, 12’, documentário
Filmado em 2014, antes dos Jogos Olímpicos no Brasil em 2016, este filme retrata a luta e as tensões da comunidade da Vila Autódromo, no Rio de Janeiro, perante o processo de expulsão em marcha. O governo pretendia criar neste território o parque olímpico e uma zona exclusiva, portanto que excluísse parte da população.

RIGHT TO WYNWOOD de Camila Alvarez e Natalie Edgar
EUA, 2013, 22’, documentário
Um trabalho de investigação que explora as causas e efeitos do processo de gentrificação em Wynwood, território habitado pela comunidade de Porto Rico em Miami. A transformação do mais velho bairro desta comunidade no maior distrito artístico da região, visto pelos seus intervientes: os moradores, os artistas, os galeristas e os lideres locais.

 

Anúncios